Home / TV / O descaso com os dubladores acontece em todo lugar?

O descaso com os dubladores acontece em todo lugar?

Print

A imagem acima mostra um pouco da mudança do traço do reboot das Meninas Superpoderosas, antigo sucesso do Cartoon Network de 1998 a 2005 (estamos ficando velhos, Magneto), que vai ao ar no CN em 2016.

A notícia do reboot deixou muitos fãs animados. As Meninas Superpoderosas tinham uma legião de fas, homens e mulheres, e foi um dos primeiros desenhos animados a introduzir música eletrônica como trilha sonora – o que acabou transformando-as no sucesso das garotas clubbers das faculdades no final dos anos 90.

Porém, o que deixou muita gente assustada foi que as dubladoras originais não foram chamadas de volta para dublar o desenho. Tara Strong, que faz a voz original da Docinho (ou Lindinha, ou Florzinha, sei lá quem é quem) ficou sabendo disso e falou um pouco sobre essa decisão no Twitter:

“Eu não me lembro de ter pedido uma facada no coração hoje.”

“Não tenho sentimentos ruins em relação à atriz que do novo #ppg, nós só estamos muito chateadas de não terem perguntado nada para a gente. Eu amo todos os meus trabalhos que eu me dedico.

Tara se manifestou logo após o Cartoon liberar um Vimeo com a nova atriz da Docinho (ou Lindinha, ou FLorzinha, sei lá, porra!).

Pelo vídeo dá pra ver que o Cartoon preferiu colocar uma menina mesmo para dublar a personagem. Fisicamente Tara é bem diferente (veja aí a foto, que você vai ficar louco), mas a voz dela ainda é bem infantil:

h7bMPJHt

Cathy Cavadini e Elizabeth Daily, as outras Meninas Superpoderosas, também se juntaram ao coro e reclamaram sobre não terem sido chamadas de volta. Craig McCracken, criador da série, também mostrou apoio às meninas:

Caras, realmente dublador sofre em tudo quanto é lugar – em alguns lugares mais que os outros, é verdade.

O problema é que, como a Tara Strong disse, ela se dedica muito pra fazer o personagem. Todos se dedicam. Todos se apaixonam pelos personagens que eles emprestam a voz. Isso é quase inevitável. Me lembro uma vez do Guilherme Briggs falando o quanto era apaixonado pelo Freakazoid e pelo esquilo Daggett, de Dois Castores Pirados.

E realmente, deve ser uma facada no coração ao ver seu nome sendo substituído de um personagem que você desenvolveu tanto carinho.

Tudo bem que no fim negócios são negócios, mas também vale lembrar que Tara, Cathy e Elizabeth, as dubladoras originais, estavam no especial das Meninas Superpoderosas do ano passado, aquele que o Ringo Starr fez uma participação!

Enfim, quero ver mesmo é se nesse reboot de 2016 vão mostrar que O SAMURAI JACK ERA UMA CONTINUAÇÃO DIRETA DAS MENINAS SUPERPODEROSAS!!!

Power-Puff-Girls-and-Samurai-Jack

View post on imgur.com

Sobre Change

"Sabe outra coisa impossível? Um gorila montado no capitão América. Não sei pq achei essa imagem na internet, mas é sensacional"

Além disso, verifique

A Gente Vimos: Crise nas Infinitas Terras partes 4 e 5 (final) – com spoilers

Pra você que não viu e quer saber o que rolou antes, mas não quer …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.