Home / A Gente Lemos / A gente lemos – Surfista Prateado: Parábola

A gente lemos – Surfista Prateado: Parábola

Porra… que CAGAÇO desse Galactus!

Porra, complicadíssimo falar de Moebius. Pelo menos é mole falar (mal) do Stan Lee!

Eu lembro que quando Jean Giraud – o Moebius – faleceu, o mundo nerd veio abaixo em homenagens pro cara. Merecidas, claro, mas dentre um monte do que se falou dava pra ver que pouca coisa era HONESTA: em sua maioria era mais ou menos naquela “regra do artista morto”, que depois que perece vira um GÊNIO, irretocável, mimimi. Não digo que a babação seja desmerecida, mas que foi artificial, afinal daquele monte de carpideira ali poucos conheciam mesmo o trabalho do cara.

Acabei preferindo a via honesta. Digo logo, nunca fui grande conhecedor, pelo contrário – tirando o pouco que chegava aqui pela Heavy Metal nacional (que eu lia escondido na casa do meu tio, porque tinha peitinho e não era leitura pra criança) eu li pouco do cara. No máximo um Incal português que eu peguei emprestado na Gibiteca do Ultra, mas que nunca terminei por falta de vergonha na cara. Mas sempre curti o traço doidão do francês, porque era um troço diferente do que a gente vinha acostumado. Mas confesso que nunca ENTENDI muito bem o trabalho, sobretudo autoral do cara. Sou burro mesmo, confesso.

Mente não, que tu também não entendeu o desenho.

Daí depois do falecimento do cabra CHOVEU de lançamento da obra dele por aqui, inclusive umas coisas BEM CARAS, que antes do artista bater as botas eram quinze reais em muito sebo por ai (já trabalhei em um, sei como os donos podem ser burros quando o negócio sai do eixo DC-Marvel), mas um lançamento se destacou justamente pelo seu caráter acessível, seja quanto ao preço ou quanto ao material em si – “Parábola”, que ele produziu para a Marvel em conjunto com o homem, o mito, Stan Lee. Como tava barato, comprei.

Logo de cara vem o acabamento FODA que a Panini colocou na parada, que aliás tem sido o padrão na editora (palmas para ela): capa dura, papel especial, material extra… não devendo em nada àqueles outros lançamentos mais caros. E por ser uma história envolvendo o Surfista Prateado contra um dos vilões mais icônicos da editora – o GALATICUS GALACTUS. Fiquei bem ansioso pelo que encontraria. Será que ia ser aquelas doideiras tipo da Heavy Metal? É, bem, não.

Infelizmente o argumento de Lee fode com a porra toda. Moebius era um cara genial mesmo porque dá pra notar que ele consegue transmitir muito mais com o traço do que o velho Stan com seus balões auto-redundantes. É foda porque as vezes você fica desejando que o quadrinho tivesse bem menos texto, ou até que fosse MUDO (como muitos trabalhos do artista). As vezes o diálogo consegue EMPOBRECER a arte, a ponto de eu ficar imaginando se não existe uma outra trama subscrita na arte independente do argumento. A história fica muito encavalada, atropelada, parecendo que pegaram um argumento para uma minissérie em seis edições e condensaram em duas. E também não é lá meio original (novidade), porque soa muito com algumas coisas da DC, envolvendo o Galactus deles – Darkseid – vindo para o nosso planeta com um plano de dominação baseado na religião… li pouco pela Abril, não lembro mais. Os DCnautas nos comentários relembrem ai que porra era essa.

“E hoje, o incrível GALACTINI, mágico infantil, fazendo seu famoso truque com SURFISTAS!”

É como um revés do “Marvel Way”, que se caracteriza pela entrega de um handout num primeiro momento do roteirista para o artista, que se encarrega da montagem das cenas para só depois o preenchimento dos balões por aquele primeiro. Parece que em Parábola, Lee entregou um argumento para Moebius que o desenvolveu de maneira genial a ponto que quando entrou para escrever os balões o velhinho não conseguiu acompanhar o ritmo, escrevendo aquele velho blábláblá sessentista do qual nunca conseguiu fugir. Eu entendo que isso tem lá o seu charme, mas não quando se convida um artista do nível desses.

Como escreveu o próprio Giraud, o título ficou no meio do caminho entre um quadrinho de super-heróis e um quadrinho europeu e se parasse ai, eu ficaria – sem sacanagem – me sentindo enganado, ficando com um título irrelevante nas mãos. Valeria mais ter procurado um Incal no sebo do meu ex-patrão. Ai que o material BRILHOU de verdade – NOS EXTRAS. Ao final da história, a edição possui 14 páginas escritas pelo artista comentando TODA A OBRA. Argumento, personagens, composição de cena, uso de cores, rotina de trabalho… tudo num profissionalismo e numa clareza invejável pra muita gente, mostrando que de doidão Moebius tinha só sua arte. O cara era um artista completo e digo que se me oferecessem SÓ esse material pelo mesmo preço, talvez eu pagasse até mais caro para lê-lo.

É foda ver que até o que o cara DESCARTOU era bom pra caralho!

Por fim valeu a compra, vai virar um item bacana pra se por na estante. Mas deixou o desejo – agora infelizmente inconsolável – de imaginar como seria uma história desse naipe com um Moebius sem as rédeas da Casa das Idéias. Quem sabe no final a conclusão não seja exatamente essa, de que são estilos incompatíveis e que, afinal, foi melhor assim.

 

Surfista Prateado – Parábola

Roteiro de Stan Lee, arte e cores de Moebius
92 páginas, cores, capa dura, R$ 21,90, Panini.

Nota: 8

Sobre Tango Commando

Carlos Gardel com colônia de Napalm

Além disso, verifique

Como adaptar Superman para o cinema

Li sobre um filme do Superman que o Matthew Vaughn queria fazer e fiquei pensando …

650 comentários

  1. eu tinha a original brasileira da epoca. foda

  2. Weslunatic Gay Sexercise MdM

    Hum, que fedor esse post.

    Ah, é post de estagiário, credo.

  3. R$ 21,90, mais barato que uma “rapadura”.

  4. POST MERDÃO SEM MORAL NENHUMA PRA FALAR DE QUADRINHO BOM, POST MERDÃO SEM MORAL NENHUMA PRA FALAR DE QUADRINHO BOM

  5. VOU COMPRAR SUA MÃE POR 1,99 E PENDURAR NA ESTANTE DA MINHA CASA TAMBÉM, VOU COMPRAR SUA MÃE POR 1,99 E PENDURAR NA ESTANTE DA MINHA CASA TAMBÉM

  6. tem um filme que os caras tão discutindo qual o melhor surfista, o do kirb, ou do moebius, no fim chega um cara e diz que o melhor é do kirb

  7. GRAPHIC NOVEL #11: SURFISTA PRATEADO – PARÁBOLA
    Stan Lee e Moebius ensinam a quem devemos seguir

    http://www14.zippyshare.com/v/43810641/file.html

  8. Esse cara ai que só lê merda… Vai ler Capas e Gravatas e adquira um pouco de cultura e bom gosto.

  9. Baratas também têm orgasmos

    Surfista Prateado é a definição de 2deep4u.

  10. Boa tarde ………..♥

    puxas. blogspot. com. br/2014/08/kink-2014-james-franco-ta-fissurado-nas.html

  11. Noticia velha, li isso quando tinha 12 anos….

  12. O cara tem medinho de um “Galaticus” que bateu na trave.

  13. R$ 21,90? Tá caro.

  14. Surfista pra teatro V Chocolactus

  15. V DE VINGANÇA COM GARANTIA DE CAPA NÃO VIR AMASSADA NA AMAZON BRAZIL POR 19,00 CONTO + frte :/

    ja paguei 12 real..mas a capa veio todo estrambelhada 😀

    http ://www. amazon. com. br/V- Vingan%C3%A7a-Alan-Moore/dp/8565484106/ref=lp_7842710011_1_5?s=books&ie=UTF8&qid=1408759418&sr=1-5/&tag=blodojot0e-20

  16. Weslunatic Gay Sexercise MdM

    Heh

    O legal do Uaréva é que

    se eu passar UM (01) dia lá, eu já me torno o maior comentarista do blog.

    Ahahahahahahahahahahahahahahahahahaah

  17. Não sei dizer o quanto das homenagens dos “nerds” quando o cara morreu foram superficiais/falsas ou não, mas enfim… Com a morte dele temos menos um cara arretado nos quadrinhos, embora existam muitos desenhistas bacanas produzindo pelo mundo… E se quem lamentou sequer conhecia a obra de Moebius antes dele morrer, acho do caralho que tenha percebido como o trabalho dele era legal passe a conhecer daí.

    Vez por outra as editoras mainstream deixam seus ilustradores/roteiristas viajarem e o resultado é interessante, Num lance de desenho bem cheio de detalhes (que nem o do Moebius) tem a (lançada um dia desses) Marvel 100th Aniversary: The Avengers escrita e rabiscada por James Stokoe, com uma escalação dos Vongadires bem viajada por si só: Dr. Estranho (Mr. T), Vampira e Severino “Biu” Raio Beta, vale a pena alugar na locadora do Ultra ou conferir os previews pela internet.

    http://wac.450f.edgecastcdn.net/80450F/comicsalliance.com/files/2014/06/avengers-02-03-2.jpg

    http://media.comicbook.com/uploads1/2014/07/comics-100th-anniversary-marvel-2-103264.jpg

    Enfim, não é que os gêneros sejam incompatíveis, acho que Parábola não ficou tão legal por causa do Stan Lee mesmo (mas também não é, nem de longe, um dos melhores trabalhos do Moebius).

  18. O pai do Mike Deodato morreu! :

  19. 007_Agnaldo_Timotheo_Dalton

    Eu não li, mas o meu primo lá de piracicaba leu e gostou.

  20. Aquele cúelho de trabuco da DC é cópia do Guaxinim chorão da Marvel ?, o Grant Morrison tá clonando a Marvel dentre do multiverso….

  21. Moebius? Me lembra “o home é bom” , excelente! Fap. fap, faaaaaaap.

  22. Moebius ? só conheço aquele vampiro da marvel

  23. Nossa, lembrei quando li esses quadrinhos a zilhões de anos atras. Fiquei impressionado com a arte.

  24. Batman é visto em estrada do Japão

    Um usuário do Twitter, postou estas duas fotos abaixo em que um homem
    vestido de Batman e andando num triciclo, aparece em uma estrada do
    Japão. A inspiração dele é o Homem-Morcego interpretado por Christian
    Bale nas telas.

    http://ocapacitor.uol.com.br/quadrinhos/galeria-batman_e_visto_em_estrada_do_japao-10433-2.html#foto

  25. quando o tiuzinho zelador do predio fala que o change vai ficar sozinho uma semana ~~>

    https :// twitter. com/ameiasuja/status/504329825495293953

  26. Parece que o Hell mandou os estagiários lerem quadrinho bom, sem ser de chégas…
    Precinho bão da Panini hein! Também, depois que a Salvat meteu bonito nesses cuzes. Só assim mesmo…

    • seu Warner da padaria

      Essa história da Salvat com a Panini é bem estranha. Os caras lançam as mesmas histórias com preços totalmente diferentes, normalmente com a Panini cobrando as pregas do cu e a Salvat nos seus 30 dinheiros. Será que a Wórnir comprou a Panini e ninguém tá sabendo?

      • SERÁ QUE NINGUÉM TA VENDO ISSUÔ!

      • É que a Salvat licenciou a coleção, que é internacional. A Panini tem os direitos de lançar tudo isso avulsamente e tal, mas não a coleção que é uma marca em si. E a Panini também deve estar levando algum.

        • seu Warner da padaria

          Ok, um dos editores da Panini disse que eles mesmos estão tratando de algo editorial para a Salvat, mas que é awkward é inegável.

          • A Panini deve ter bobeado na hora de licenciar a coleção. A Salvat viu a oportunidade e pegou. Cara, é que nem os estúdios de Hollywood. Dentro de uma mesma empresa, tem vários estúdios, várias coisas, e os caras de um braço da companhia tem que pagar para outra produtora da mesma companhia para explorar aquilo.

          • seu Warner da padaria

            Já tem nego avisando por aí que a Panini corre o risco é de tomar uma rasteira foda no mercado de quadrinhos digitais, quando as editoras passarem a gerar na matriz suas versões em outras línguas. É só dar mais um cascalho para um tradutor e letrista. dar um bico nas intermediárias estrangeiras, como a Panini e vender direto pela Comixology ou afim. Achei plausível.

          • Mas a Marvel já começou com isso tem um tempo já. Disponibilizar em outras línguas digitalmente. O problema é que a primeira leva veio mal diagramada, com fontes diferentes da original e tradução péssima. Outra questão que pode atrasar isso potencialmente é a boa relação Panini x Disney/Marvel, que já rola há tempos. Se a parceria for boa, isso vai rolar bem devagar. Aqui no Brasil, pra ser sincero, não vejo como muito promissor a venda digital de quadrinhos de super-heroi. A não ser que fossem só os “encadernados digitais”. Mix digital? Ou vai vender avulsamente? Se vender avulsamente, não vai perder o público que compra mix, já que assim o cara iria filtrar logo e comprar só o essencial? Tem várias questões atreladas nesse caso.

          • seu Warner da padaria

            É, tem isso. Vamos esperar.

    • fala jos o/

      ta fazendo – ou ja fez – nova animação ??? vi no twiter ou face algo assim ???

  27. Mas que merda!!! A panini vai lançar a saga aniquilação em capa cartonada só com os 5 primeiro volumes, vai se fuder panini eu quero capa dura com a saga completa sua vagabundaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

  28. Moebius é muito foda.Quem ja teve o prazer de ler qualquer Tenente Blueberry, sabe que o potencial dele enquanto desenhista era estratosferico.
    Tem um detalhe da arte dele que eu considero muito bom: Ele abusa de traços propositalmente irregulares na arte final. Pode parecer facil, mas é muito dificil usar essa tecnica de maneira convincente.Exemplificando, se voce é um artista meia boca, o traço soa pouco firme e inconsistente, mas se vc manja dos paranaue dos desenho (caso do Moebius) fica ultrafodonica a arte.Outro que utiliza esse tipo de traçado de maneira muito eficiente é Frank Quitely.

  29. O Darkseid não é o Galactus da DC (ele é o Thanos, pitombas!), essa posição é do Destruidor Cósmico (Starbreaker), a forma adulta do Devorador de Sóis.

  30. é… desisto de tentar colocar links :C

  31. Duo de Brando "O Fabulosa!"

    teste



  32. Saiu o segundo volume de Invisíveis pela Panini. Alguém aí comprou, leu, ignorou?

  33. Astrogildo, o Terceira Idade

    Caralho muita letra, pelo menos tem imagem

  34. Weslunatic Gay Sexercise MdM

    VONTADE LOUCA DE FODEEEEEERRRRRRR!!

    Ah, eu adorei dizer isso, esse post tá muito chato.

  35. As historias do Surfista Prateado que o veio safado escrevia, estão entre as poucas coisas boas que ele fez sozinho, mas tu tem que ler em partes, pq senão fica chato pra caralho haha. Mas ainda são inferiores ao melhor escritor do Surfista, Jim Starlin. O cara fez miséria escrevendo.

    • E o Sérgio Aragonés no “Sérgio Aragonés massacra a Marvel” também fez uma boa representação do surfista. Um chorão cósmico.

    • seu Warner da padaria

      A melhor história que li com o Surfista foi a Marvel Apresenta Os Defensores, do Keith Giffen, JM DeMatteis e Kevin Maguire, onde o Surfista aparece como um chorão que não para de falar sozinho e acaba cruzando com uns hippies na praia. Ficou do caralho.

  36. Panini fazendo recall da nova edição de Cavaleiro das Trevas. Páginas vindo com balões em branco, enquanto nerdys bazzingas enlouquecem.

  37. ‘Batman V Superman’: Homem de Aço faz o “Desafio do Balde de Gelo”

  38. ok

  39. Falando em Galactus, alguém sabe se a filha dele, Galacta, ou qualquer merda assim, é oficial e faz parte da cronologia ou é apenas um daqueles personagens de terras paralelas?

    Nunca li nada dela, só fiquei sabendo da existência e achei muito ridículo.

  40. Essa história foi muito marcante na minha infância, acho que um dos maiores trabalhos de dois autores que fizeram história. HQ perfeita, vale cada centavo e essa versão encadernada é pra passar pros filhos.

    E ao contrário do estagiário, gosto muito do argumento, ninguém escreve melhor o Surfista Prateado que Stan Lee. A grandiosidade do personagem está justamente em frases como Não nos é dado saber se teremos sucesso ou não. Não existe desonra no fracasso, existe só uma grande vergonha: a covardia de não ter tentado ou Se desistirmos da luta porque as chances de vitória são pequenas, onde fica nosso valor? Chupa Olavo de Carvalho, chupa Felipe Neto!

    • Prefiro aqueles diálogos de três palavras do Liefeld, em que a frase seguinte já tira o sentido da anterior.

    • O meu maior problema não é tanto com o conteúdo, mas mais com a forma e com a preguiça do velho Stan.

      Aquela coisa de termos balões descrevendo o que já está acontecendo nos quadros, como numa radionovela, e a resolução pobre da trama (e o desenvolvimento atropelado também) é que me incomodam. Aquele final pra mim foi “de cair o cu da bunda”, pareceu muito algo do tipo “deixa eu terminar logo de qualquer jeito senão vou precisar pagar mais pro Giraud se ele precisar desenhar mais páginas”.

      Mas, como eu disse, isso já é praticamente “clássico” do cara, quase uma citação auto-referente. Mas não quer dizer que eu goste. Sobretudo acompanhando a arte do Moebius.

      • Bom, acho que o estilo simples do Stan condiz com sua época, eu pessoalmente gosto dessa maneira de contar histórias em quadrinhos e sempre tô voltando a fonte, principalmente do Homem-Aranha, Vingadores e Surfista Prateado dos anos 1960. Às vezes me cansa um Mark Millar que explica cada detalhe ou aquele roteiro cinematográfico do Brubacker (ainda que eu curta muito os dois) e prefiro essa maneira do Stan Lee que carrega uma ingenuidade, uma despretensão, e que na minha opinião não estão desvirtuadas nessa história.

        Fora que com o Surfista, o Stan tem um aspecto poético, lírico, onde a mensagem ousada para uma história em quadrinhos – de que a religião divide as pessoas e a fé cega promove a guerra – ganha ainda mais força no simbolismo do traço do Moebius.

        Mas enfim, cada um com a sua leitura

        • Concordo, claro, afinal falar mal da prosódia do Lee é quase cimo reclamar dos desenhos do Kirby, tem que saber apreciar sem anacronismo.

          Só quis ressaltar como fica meio desencontrado o roteiro dele com a arte do Moebius. E também expor uma questão de gosto: nunca curti muito o blablablá do Stan, não. Mas ai também eu tenho consciência que é pura questão de gosto.

  41. Prefiro o Manara.

  42. Tava ouvindo o Whocares pod, e o Reverso disse que a namorada dele reclamou de ver o Christopher Eccleston sem camisa.

    Porra, chuchu! Tu vê o Nerd Reverso sem camisa!

  43. Mais assuntos aleatórios. Algum de vocês tá comprando essa coleção da Salvat? Viram que muita gente está ameaçando a editora de processo depois de aumentar em R$ 3,00 o preço das revista?

    • seu Warner da padaria

      Pelo que entendi, as letras grandes diziam que o preço da coleção seria 29,90 por edição, enquanto as letras pequenas diziam que o preço poderia ser alterado por questões de mercado. Acho que vai dar em nada, mas se alguém tem disposição para briga, desejo sorte, porque as editoras cagam na cabeça do consumidor direto mesmo.

    • a ultima que comprei foi ja foi com aumento

    • Tá o quê, uns R$ 32,90 agora?

      • Sim

        • Só espero que as edições que eu quero saiam não tão caras ainda. Depois da atual, do Planeta Hulk, vem Demônio da Garrafa com Tony Pinga. Essa vou cofrar. No aguardo de 1602 ainda.

          • Não vai variar muito, senão é suicídio. Mas um pouquinho com certeza aumentará, sempre é assim com coleções. E com certeza mesmo com aumento não vai ser nem metade do que os encadernados da panini custam.

          • Sim, não tem como. Perde o apelo custar o mesmo que os Deluxe.

          • Que também não estão valendo esse preço. Fui folhear o da Crise Final e lá não tem nada, nenhum extra, só a história principal e sem páginas a mais. Muito caro só pra um encadernado de capa dura e sem extras.

          • Este é um problema. Comprei Edição Definitiva do Reino do Amanhã por 70 e poucos. Vem mais de 100 páginas de extras, ele é grandão mesmo, tem estudo dos personagens do Ross, etc. Meu Grandes Astros superman custou R$ 10, 00 a menos. Formato maior também, não de definitivas, mas definitivamente maior, e 2-4 páginas de extras.

            E um vídeo contra o aumento bem interessante:



          • Porra, essa coleção Brasil afora sai toda fora de ordem, aqui ainda não pintou Planeta Hulk, tá numa do Capitão América se não me engano.

    • Sim, teve gente até querendo entrar com uma ação coletiva contra a Salvat. Não vai dar em nada. E em todo post da Salvat o comentário mais curtido é aquele que fala do aumento de preço.