Home / Cinema / O roteiro de Batman não funciona… Esse pau véio tá podre!?!

O roteiro de Batman não funciona… Esse pau véio tá podre!?!

bataffleckk

Pois é, nerdaiada maldita… Lembram que já tinha um tempo que o próprio Ben Affleck havia dito que o roteiro do filme solo do Bátema que ele dirigirá ainda não estava a seu contento, e que ele mesmo disse que não tinha um prazo certo pro filme começar a ser produzido até que tudo estivesse satisfatório para ele

A nerdaiada ficou feliz, já que Affleck demonstrava o tipo de zelo pela produção que não era algo habitual na últimas peças lançadas pela Warner/DC… Mas na sexta pintou um boatão que não animou muito os fãs… O jornalista e escritor Bret Easton Ellis (do livro Psicopata americano) disse ter conversado com seus amigos do estúdio e eles deram o seguinte panorama a respeito do novo filme solo da Morcega:

Segundo ele o roteiro do filme estaria com muitos problemas, tanto que eles apresentariam uma solução pra que pelo menos 30 problemas mais gritantes na bagaça fossem resolvidos, mas os executivos disseram que como mais de 70% da audiência do filme não fala inglês, e portanto nem estariam muito ligados nesses possíveis problemas de roteiro, um filme com esse hype já vai fazer um monte de dinheiro de qualquer jeito… então mandaram um “foda-se os problemas de roteiro”!

batfleckk2

Bem, obóviamente que a declaração ganhou o mundo e repercutiu bastante, tanto que o próprio autor do comentário (Bret Easton Ellis) veio depois nas suas mídias sociais dar uma temerzada (arregada) e dizer que não era bem assim… Ellis disse que as pessoas que conversaram com ele sobre o roteiro do filme NÃO SÃO LIGADAS AO ESTÚDIO E NEM TRABALHAM NA PRODUÇÃO, e se desculpou se o comentário dele de alguma forma faltou com respeito ao trabalho de quem está na produção do filme.

O que eu acho? Bão, dei uma sobrevoada nos fóruns e comments nacionais e gringos dessa notícia e pude perceber que tem muita gente por lá com aquele discurso polarizado de que há “um complô contra as produções da DC” e que a declaração do cabra foi irresponsável e já estaria condicionando uma resposta negativa do público e crítica sobre o filme…

Bem, eu acho isso exagerado, a parte do complô, mas concordo com a parte do condicionamento… Mas cá pra nós, não é de hoje que vemos o coreto da DC nos cinemas todo bagunçado, e muitos relatos sobre problemas nas suas produções, (o filme do Flash perdendo DE NOVO o seu diretor por exemplo)… E cá pra nós, esse pensamento tipo “foda-se a crítica, vai fazer dinheiro do mesmo jeito” não é uma exclusividade da Warner, temos visto cada vez mais (e em todos os estamentos) essa filosofia pautada em deixar o poder de execução dos filmes na mão de quem se importa apenas com planilhas, porcentagens e cifras sem se importar com coisas tão “sem importância” como qualidade de roteiro.

Sobre Hell

O Hell, este que vos fala.

Além disso, verifique

A gente vimos: O Rastro (2017) – sem spoilers

Pode-se argumentar que, parar decifrar os medos de uma sociedade, basta olhar para suas histórias …

[fbcomments url="" width="675" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]