Home / Outros / Hoje tem Metropolis no Cartoon Network

Hoje tem Metropolis no Cartoon Network


Aí, molecada! Hoje, o Cartoon Network vai passar à meia-noite (ô horário ruim!) um dos melhores animes em longa-metragem que existem: Metropolis!

No futuro, Metropolis é uma cidade industrial onde o líder, Duke Red, decide criar Tima, uma robô humanóide, para dominar o mundo. Mas Rock, “filho” de Duke, fanático por seu pai, decide destruir Tima, pois segundo ele, só seu pai pode dominar o mundo. Mas acontece um acidente e ela “acorda” antes da hora, totalmente sem memória, e é ajudada pelo pequeno Kenichi. Agora os dois devem fugir de Rock, sem saber o porquê.
Agora você, leitor curioso, pegunta “Mas Mallandrox, Metropolis é imperdível por quê?”… Oras, caro leitor sem fé, simplesmente porque ele é baseado em um mangá do Mestre Osamu Tezuka, escrito e adaptado pelo fenomenal Katsuhiro Otomo (o diretor de Akira, seu bocó!), e dirigido por Rintaro, o mesmo diretor dos antigos animes baseados nas obras de Osamu Tezuka, como Kimba, o Leão Branco, Astro Boy, e tantos outros.

Tá bom? Não? Tudo bem que te digo mais! A animação do anime é impecável, tanto que foi uma das mais caras no Japão,misturando desenhos feitos a mão e cenários 3D! As cenas onde Tima fica exposta ao Sol são lindas e conseguem dizer tudo sem dizer nada (entendeu o que eu quis dizer ou vou ter que explicar?).
E a trilha sonora também é perfeita, composta principalmente por jazz e blues (isso sim é música! Não essas bandinhas de rock mela cueca que me dão vertigem).
Metropolis é uma obra de arte, uma experiência única! Quem não for assistir é… bobo da casca do ovo!
E antes que os leitores inteligentes do melhoresdomundo.net perguntem (nós temos leitores inteligentes?), eu respondo: sim, as coincidências desse anime com o filme alemão Metropolis, dirigido por Fritz Lang, de 1926, não são um mero acaso. A verdade é que Tezuka criou toda a trama do Metropolis japonês apenas olhando o pôster do Metropolis alemão.

Sobre Bugman

Grant Morrison nos salvará.

Além disso, verifique

Liga da Justiça: o que deu errado?

Antes de mais nada, o que este texto NÃO É: Uma resenha de Liga da …

[fbcomments url="" width="675" count="off" num="3" countmsg="wonderful comments!"]