Home / Cinema / Doutor Estranho – música, humor e trabalho infantil!

Doutor Estranho – música, humor e trabalho infantil!

O filme do tiozão do churrasco, Doutor Estranho, vem aí e não vem sozinho vem na base do saci como é costume nessa época próxima a estréia, começam a pipocar coisas para divulgar a parada. E como hoje não você não vai ver nada mais surpreendente no seu dia que a prisão do Cunha, resolvi juntar um bocado de coisinhas aqui e queimar um timeslot do site com um post da Marvel.

Primeiro, saiu uma faixa da trilha do longa, pelo compositor Michael Giacchino, que dá uma pequena amostra de como será o filme do feiticeiro supremo, com influências de ritmos orientais mas sem perder aquela pegada meio brega-meio camp, parecendo um seriado da BBC, se liga aí.

Depois, o humor: o chefão do Marvel StudiosKevin Feige, comentou em entrevista ao EW como foi receber o criador de Rick e Morty e do seriado que faz o Lojinha se mijar todo, CommunityDan Harmon não só para escrever as piadas do novo filme como também para ser uma espécie de consultor de… ficção científica?

“Nós somos todos grandes fãs do trabalho dele, certamente (…) nós também somos fãs de Rick e Morty que é, claro, uma comédia, mas eu me pergunto se não teria em cada episódio do desenho um conceito inacreditável de ficção científica só esperando para ter seu próprio filme.

Então nós pedimos a ele que assistisse ao filme e conversasse conosco sobre e desse sua opinião sobre os conceitos de ficção científica. Isso foi tão importante para nós quanto qualquer comédia que ele pudesse ter trazido para a história.”

Será que podemos esperar o Doutor precisando enfiar uma semente duma fruta alienígena no cu para passar por uma alfândega interdimensional?

Por fim, o trabalho infantil. @ etern@ arcanj@ Gabriel, Tilda Swinton, deu uma entrevista ao Jimmy Kimmel Live de que por conta da agenda de filmagem da parada (e de querer economizar com a babá, vai saber), precisou levar os filhos adolescentes para o trabalho e que para rolar um migué com a escola dos fedelhos, disse que tudo seria “uma experiência profissional” para que contasse presença pros guris.

Daí falando sobre o que cada um dos rebentos fez, O(a) Ancião(ona) acabou talvez revelando mais do que deveria.

“Teve esse momento fantástico um dia em que eu encontrei meu filho no horário de almoço no refeitório e eu perguntei ‘O que você fez nessa manhã’ e ele disse ‘Eu fiz um planeta’. E é mesmo um planeta – eu já vi o filme completo e posso te dizer que ele aparece com grande destaque no final do filme”

Ah tá, claro, quando é a mãe dos leitores levando nossos comentaristas-bebê pra trabalhar na casa de tolerância é crime, mas quando é pra levar prum filme da Marvel conta como atividade extra-curricular. Absurdo, cadê o conselho do telar???

TÁ ATRAIX DI VUSHEAM
TÁ ATRAIX DI VUSHEAM

Mas isso abre brecha pra cagar uma regra e imaginar o que diabos isso teria a ver (ou não) com a história. Na hora me fez lembrar daquele papo de juntar o eixo cósmico do MCU dos cinemas com esse novo “eixo mágico”.

Aproveitando que hoje também rolou um teaser do próximo Guardiões da Galáxia, será que seria algo relacionado? Ou será alguma coisa relacionada com o próximo filme da paquita loira, Thor: Ragnarok? Será que o SIRO DARLAN vai bater na porta do Sanctum Sanctorum em breve??

É esperar para ver.

Sobre Tango Commando

Carlos Gardel com colônia de Napalm

Além disso, verifique

Disney não vai alterar a primeira trilogia de Star Wars

Com a compra da Lucasfilm pela Disney e com todo esse papo de voltar às …