Home > Cinema > Robocop de Elite finalmente ganha um trailer!

Robocop de Elite finalmente ganha um trailer!

///
Comments are Off

Olha só, nerdaiada amaldiçoada… Finalmente a MGM liberou o trailer do primeiro trabalho de José Padilha nos States, o remake de Robocop!!!

Vejam aí a bagaça que traz no seu elenco o Bátema, o Comissário Gordon, o Nick Fury e o Rorscharch:

http://youtu.be/INmtQXUXez8

O que eu acho? Bem, devo lhes dizer que estou até surpreso com esse trailer… O visual do filme está muito bom, e bem diferente daquele aspecto sujo e escuro do filme do Paul Verhoeven. Também achei bacana as referências ao original e o elenco nem se comenta, né? ele é de primeira.

Vi pessoas questionando a mão humana do Robocop, e pelo que andei lendo, o filme aborda umas questões sociológicas, como uma lei que proíbe robôs de praticarem atos violentos contra humanos, os caras aparentemente mantém a mão humana (e o rosto) do Robocop pra tentar burlar essa questão legal… O filme deve discutir isso também, até que ponto uma pessoa cheia de próteses biônicas e cérebro computadorizado (que cumpre ordens) pode ser considerada um ser humano… Questão essa levantada de leve no filme do Verhoeven, mas não discutida.

Mas também não sei se darão muita ênfase nesse caráter mais “pensativo” do filme, afinal ain da se trata de uma película de ação, e deve ter uns 15 executivos orelhando o Padilha pra que ele tire diálogos do filme e insira mais explosões (como a do carro que “mata” o Murphy, parece que dessa vez não teremos um belo fuzilamento como no filme original)!!!

You may also like
mdm5_dest,
Novo MdM #5: Especial Artist Valley CCXP
fiaobyewaaahv8l, 2298705, 1669635980, 20221128114620, 28, 11, 2022
Novo MdM #4: Bolões de Copa + Jogos na rádio + Weird Al + Novas regras + Juiz ladrão + Porradaria + Política + 11 de Setembro + Xenofobia do Bem + Loucas Aventuras do Defante + Sangramento nasal de cavalo + Preço da havaiana
created-with-gimp, 5734205, 1669200183, 20221123104303, 23, 11, 2022
Galeria MdM: Luciano Abrahão
Fallout 76: um review 4 anos depois