Home / Poderoso Porco (page 3)

Poderoso Porco

O mar não tem cabelos. Eu também não.

setembro, 2018

  • 24 setembro

    [A gente lemos] A arte de Charlie Chan Hock Chye

    Quando os caras do Pipoca & Nanquim, pessoas hiper legais e apaixonadas pelas histórias em quadrinhos, decidiram se tornar uma editora de HQs (e livros também), a chance de que vinha coisa boa por aí era grande. Ao contrário do que se esperava, os caras não começaram devagar, muito pelo …

julho, 2018

  • 3 julho

    [A gente lemos] O prolongado sonho do Sr. T., de MAX

    Entre as editoras brasileira de quadrinhos, uma pouco falada (e até menosprezada) mas que tem um catálogo muito interessante é a Zarabatana. Capitaneada pela simpatia em pessoa do Claudio Martini, a Zarabatana, apesar da pouca mídia que recebe, é por exemplo a casa editorial no país de gente como Guy …

junho, 2018

  • 29 junho

    [280 ou foda-se] A cidade da neblina, Jessica Jones, Mulher-Maravilha, Macumba Macabra…

    Descobri que no mundo da interweb full time, as pessoas não curtem mais ler como antigamente. O Medium registra seus textos (e comentários também, veja você) por tempo necessário para lê-los. Ok, Danilo Beyruth, lá nos tempos dos fanzines do Necronauta já fazia essa medição, mas a coisa mudou. Ninguém mais tá …

  • 25 junho

    [A gente lemos] Sherlock Time, de H. G. Oesterheld e Alberto Breccia

    Há um mundo de quadrinhos lá fora, desconhecido por muitos de nós. Há um universo de possibilidades lá fora e nós muitas vezes desconhecemos. Estas frases podem tanto descrever a produção em quadrinhos argentina, imensa, potente e e muito desconhecida por nós, como também um de suas obras, Sherlock Time, …

abril, 2018

  • 22 abril

    [280 ou foda-se] Lúcifer, Finório, Flintstones, Acelera SP, Escalpo (não aquele), Criminosos do Sexo…

    Descobri que no mundo da interweb full time, as pessoas não curtem mais ler como antigamente. O Medium registra seus textos (e comentários também, veja você) por tempo necessário para lê-los. Ok, Danilo Beyruth, lá nos tempos dos fanzines do Necronauta já fazia essa medição, mas a coisa mudou. Ninguém …

novembro, 2017

  • 29 novembro

    [Cagando Regra] Por que encadernados?

    Ano passado, por ocasião do fechamento da Leitura Savassi, tradicional comicshop de BHCity One, enfrentei um dilema diante da possibilidade de comprar (ou não) a versão encadernada de Grandes Astros Superman. Desse dilema nasceu este texto, que ficou perdido nas infinitas gavetas por mais de um ano e agora eu …

  • 16 novembro

    [Mês da Consciência Negra] E o Pantera Negra, hein?

    O filme do Pantera Negra tá chegando, geral tá na pilha pra vê-lo (eu também, ainda que não devia), mas não é dele que eu vou falar. Porque a Panini lançou este ano o começo da elogiada fase escrita pelo jornalista Ta-Nehisi Coates no personagem e, assim como fiz com …

  • 7 novembro

    A gente vimos: Mindhunter (COM spoilerezes)

    Antigamente, falar que algo era uma “coqueluche” fazia sentido: queria dizer que era o assunto do momento, que pegou todo mundo. Ainda que o termo não seja mais usual, ele é perfeito pra descrever o efeito que a estreia de Mindhunter na Netflix teve em parte do meio policial. Grupos …

  • 6 novembro

    É Dylan Dog de volta ao Brasil!

    Criado em 1986 com roteiros de Tiziano Sclavi, Dylan Dog é um sujeito peculiar. Ex-agente da Scotland Yard, divide seu tempo entre montar um eterno galeão em miniatura e tocar clarineta (um de seus temas mais comuns é El Trino Del Diablo, de Giuseppe Tartini). Isso claro quando ele não …

outubro, 2017

  • 23 outubro

    A gente vimos (do fundo do baú): No ano de 2020 (Soylent Green)

    O ano é 2020. O planeta tá todo fodido: superpopulação (só Nova Iorque tem 40.000.000 de habitantes), aquecimento global, pane na produção de alimentos, dificuldade de acesso à água… A desigualdade social é monstruosa: enquanto pobres de amontoam por todos os lugares, ricos levam uma vida de luxo: grandes apartamentos, …