Home / Marvel / Top 10,5 melhores mortes pelo Justiceiro de Garth Ennis (Arqueologia MdM)

Top 10,5 melhores mortes pelo Justiceiro de Garth Ennis (Arqueologia MdM)

Aí, nerds malditos… estava organizando as paradas aqui em casa e me deparei com um pendrive velho, ao acessar a bagaça vi que tinham alguns posts antigos do MdM dentro dele, então resolvi repostar esse aqui, que é de 2010, pra galera da new generation que não tinha visto ainda…

topjustgarth1

Pois é, macacada… Hoje em dia, quando se fala no nome do Justiceiro, é praticamente impossível não lembrarmos de outro cabra, o Garth Ennis, que escreveu uma infinidade de histórias fodas com o personagem… Além de roteiros mirabolantes com ótimas sacadas e personagens, uma coisa que sempre nos chamou a atenção foi a incrível capacidade que Ennis tem de imaginar mortes muito fodas!!!

E por isso resolvemos listar aqui nesse Top as melhores mortes já escritas por Garth Ennis nas histórias do Justiceiro. Deliciem-se com sangue, chumbo e violence nos picos!!! Ah, se você é um nerd sensível, sugiro que pare de ler agora, feche o post e volte a jogar Robot Unicorn!

10) O passeio clássico ao cair da tarde:

No final do arco “As Ruas de Laredo”, com desenhos de Cam Kennedy, vemos o velho Frank Castle se despedindo do Xerife da cidade, depois de resolver uma pendenga por lá… Depois de matar uma cacetada de pessoas, o Justiceiro resolve levar o chefão de todos os meliantes, que era um PASTOR, pra dar um passeiozinho de 30 km pelo deserto:

topjustgarth2

E isso que o cara era PASTOR, imagina se fosse um traficante ou estuprador…


09) O canivete suíço:

Numa história desenhada por Steve Dillon, o Justiceiro já começa todo fudido, fugindo de uma gangue de traficantes, e vai se esconder numa fazenda onde só vivia Joan, a sua ex-vizinha com síndrome do pânico que não tem arma alguma na sua casa além de um canivetinho suíço…

O Justiceiro se vira com o que tem na mão e no final mostra que não importa o tamanho da faca, mas sim o modo como se usa:

topjustgarth3

topjustgarth4

AHEUAHEUAEHAE, deve ter dado um trabalho disgramado matar o cara com essa porra de canivetinho…


08) O Justiceiro é fogo!

No seu primeiro arco à frente do Justiceiro, depois da famigerada fase celestial do personagem, Ennis, com Steve Dillon, nos mostrou o personagem lutando contra a mafiosa Mama Gnucci. Pois bem, o Justiceiro deixou a velhota ser atacada numa jaula cheia de ursos, ela sobreviveu (sem braços e pernas) e resolveu se vingar de Castle… Oboviamente não conseguiu matá-lo, mas a Mama morreu de um jeito bem simpático:

topjustgarth5

Sim, o Justiceiro bicou a velhota sem braços e pernas pra dentro de um incêndio…


07) Metendo a mão na boca, LITERALMENTE!!!

Mais uma desenhada por Steve Dillon. Aqui vemos o Justiceiro aceitando o desafio de um traficante que tinha sido treinado pela CIA, um cara todo fodão que se achava o casca-grossa… Vejam só como a coisa terminou:

topjustgarth6

topjustgarth7

SIIIIIM, Castle enfiou a mão dentro da boca do cara e o resto deixo pra mente de vocês (e as expressões dos capangas) imaginar…


06) Anestesia geral:

Numa das mais criativas histórias de Ennis, com desenhos fodaçaralhos do nosso amigo Joe Quesada, vemos o Justiceiro extraindo informações de um chefe mafioso enquanto este frequentava o seu dentista, mas Frank Castle resolveu substituir o Dr. e ele mesmo fazer um tratamento dentário completo no meliante:

topjustgarth8

topjustgarth9

topjustgarth10

Caras, essa história é foda, não só pelo argumento safadamente simples, direto e violento, mas pelos desenhos fodas e agoniantes do Quesada, a gente chega a sentir a dor do cara quando vê os dentes fodidos e arrancados! E o final então… “Pode Cuspir” AEHUAEHAUEHAEUAHEUAEH! SENSACIONAL!


05) A técnica do porrete chinês:

No arco “Mãe Rússia”, desenhado por Doug Braithwaite, vemos Frank Castle apanhar mais que cachorro de bugre de um chinesinho nanico, mas todo fodão nas artes marciais… Mas depois de ver o nanico sentar o braço numa criança, Castle reúne suas forças pra enfrentar de novo o chinesinho, e saquem só o que ele faz:

topjustgarth11

topjustgarth12

O Justiceiro agarra o nanico pela perna e simplesmente o usa como tacape!!! AEHUAEHAEUAHEUAEHAE. Essa é pros caras que acreditam naquelas besteiras de “Tamanho não é documento”.


04) Se o cara é insistente, insista mais do que ele!

Na conclusão do arco “No Princípio”, desenhado por Lewis Larosa, vemos o justiceiro tendo problemas com o maluco Pittsy, um cara que simplesmente se recusava a morrer… Vejam só o que Castle fez:

topjustgarth13

topjustgarth14

Depois e jogá-lo numa cerca de estacas, o Justiceiro ainda PULA EM CIMA DELE, pra que o cara fique bem espetado… Só que o cara não morreu, aí tivemos que apelar pra velha técnica da 12 que estraga o velório, muito difundida pelo Capitão Nascimento…


03) Muito prazer… Meu nome é JUSTICEIRO!

Da primeira vez que o Justiceiro lutou contra o Barracuda, desenhada pelo fodaçaralho Goran Parlov, o vilão tinha lançado o Justiceiro no mar pra que ele morresse atacado por tubarões. Ao perceber que outros caras também estavam na água e que eles eram bandidos, saquem só o que Castle aprontou:

topjustgarth15

“Prazer em conhecê-lo Horace… Eu sou o JUSTICEIRO!” AEHAUEHAEUAHEUAHEAUE… Fantástico, só a mente doentia de Garth Ennis pra imaginar uma filhadaputice dessas.


02) Como matar alguém à prova de balas?

No final da saga “Sem Limites”, desenhada por Steve Dillon, o Justiceiro tem o seu derradeiro confronto com o Russo, que a essa altura já tinha se transformado num cyborg e era praticamente impossível de ser morto por armas convencionais… O que o Justiceiro fez então?

topjustgarth16

topjustgarth17

Caras, eu fiquei tentado em colocar essa morte como a primeira colocada; ela foi certamente a mais criativa inventada por Garth Ennis no tempo todo que ele escreveu o Justiceiro… Fisgar a boca do Russo com uma BOMBA NUCLEAR e lançá-lo de um avião foi simplesmente sensacional.


01) Não brinque com o Justiceiro!

Acho que nunca houve um vilão que o Justiceiro tenha odiado mais que o Barracuda, e no final do arco “A Longa e Fria Escuridão” os dois tiveram o seu último confronto… E vou lhes dizer, foi poético!

topjustgarth18

topjustgarth19

topjustgarth20

Caras, o Justiceiro arranca o nariz do Barracuda com um alicate, depois decepa uma mão e um braço do cara com um machado, e depois de cravar esse mesmo machado no peito do cara (que ainda estava vivo) ele simplesmente EXPRUDIU A CABEÇA dele na base da metrancalhada!!!! Essas páginas não são simplesmente HQs, são obras de arte de Goran Parlov… Essa sequência toda da luta final entre o Justiceiro e o Barracuda deveria estar em exposição num museu de arte… Medalha de ouro pra ela.


0,5) Se não pode matá-lo pelo menos divirta-se com ele:

O Justiceiro vira e mexe tem que enfrentar heróis no meio da sua luta incansável contra o crime… E por duas vezes quem cruzou o seu caminho foi o Wolverine…

Se teve uma coisa que eu achava foda no Garth Ennis era a capacidade dele de sacanear com o baixinho canadense. E como o cara é praticamente impossível de ser morto, o Justiceiro sempre teve que usar a criatividade pra se livrar do cabra…

topjustgarth21

Da primeira vez, depois de ter atirado na cara e nos bagos do Wolvie, o Justiceiro simplesmente prendeu o nanico embaixo de um rolo compressor pra que ele não o perseguisse depois de terem feito uma aliança temporária pra se livrarem de uma quadrilha de ANÕES assassinos (AHEUAEHAUEHAEUA, é sério, porra!).

topjustgarth22

E da segunda vez, quando o Wolverine se aliou ao Demolidor e ao Homem-Aranha pra darem o troco no Justiceiro, o Carcaju teve simplesmente metade do seu corpo EXPRUDIDO por um lança-foguetes.

Sobre Hell

O Hell, este que vos fala.

Além disso, verifique

Podcast MdM #559: Tentando lembrar das HQs BOAS dos anos 90! Eita porra!

No podcast de hoje os MdMs Hell, Caruso e Daniel HDR chamam a galera da …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.