Home / Livros / Top 9,5 contos do Stephen King

Top 9,5 contos do Stephen King

sk_dest

Essa semana (21 de setembro) foi aniversário de Stephen King, e como não é muito comum a gente falar aqui sobre livros de verdade (quadrinho não é literatura – rrratinho-oooooooo), achei legal fazer uma homenagem. Como o autor tem uma porção de histórias curtas publicadas em antologias (e frequentemente são essas que acabam virando filme), achei de bom grado fazer um top só com os contos ao invés dos romances do autor. Enfim, confere aí:

9. O caso do Doutor (The Doctor’s Case)
Num dos poucos contos que não envolve ou sugere o sobrenatural/paranormal, King revisita o clássico de Arthur Conan Doyle para contar a única vez em que foi Watson, e não Sherlock Holmes, quem desvendou um mistério. O conto foi publicado em Pesadelos e Paisagens Noturnas vol 2.

8. O Homem do Cortador de Grama
Nesta história, um cara decide contratar os serviços de um homem para cortar a grama do seu amado jardim. O novo contratado, entretanto, possui alguns métodos de trabalho nada convencionais que o homem vai descobrir da pior forma possível. O conto saiu na antologia Sombras da Noite e teve um filme bizarro “inspirado” que só tem o nome (original) do conto e saiu aqui como O Passageiro do Futuro.

7. O corpo
Talvez uma das histórias mais conhecidas pela galera que cresceu nos anos 80 porque foi adaptado para o clássico “Conta Comigo”, de Rob Reiner. Na história, um grupo de garotos resolve fazer uma jornada até o local onde um corpo atropelado por um trem foi encontrado. Não é uma história de horror (muitos dos contos do King não são, ao contrário do que muita gente pode imaginar), e é possivelmente um dos contos mais tocantes do autor. Foi publicado em “As Quatro Estações”.

6. O Nevoeiro
Por ter tido uma adaptação recente, talvez vocês conheçam esse conto, ou pelo menos sua sinopse: na história, uma pequena cidade do Maine é envolta por um nevoeiro que esconde monstros de algum outro lugar. A adaptação para o cinema, escrita e dirigida por Frank Darabont (primeira temporada de The Walking Dead), tem um final diferente da história original, então mesmo se você viu o filme, vale ler o conto, publicado em Tripulação de Esqueletos.

5. Aluno Inteligente
Um dos contos mais longos que eu li do King, mas um dos mais interessantes: na história, um garoto muito interessado em Segunda Guerra descobre que um velho senhor do seu bairro foi, no passado, sob outro nome, um frio general nazista que conduziu experimentos horríveis em prisioneiros. Há um jogo psicológico fantástico e tenso entre ambos e o final vai fazer você pensar em alguns padrões de incidentes que ocorrem nos EUA e suas origens. Essa história foi adaptada para o filme “O Aprendiz”, dirigido pelo Bryan Singer e o conto original foi publicado em “As Quatro Estacões”.

4. Parto em casa
Pra mim, boa parte da qualidade de um autor está em como ele consegue pegar um tema clichê e tornar interessante. Nesse conto, em meio a um apocalipse zumbi, uma mulher grávida vai ter que dar à luz do jeito que der para sobreviver. E, como não dá para ir para o hospital, o jeito vai ser fazer o parto em casa. O conto saiu em Pesadelos e Paisagens Noturnas vol. 1.

3. As Crianças do Milharal
Esse é provavelmente um dos contos mais conhecidos. Adaptado para o clássico “Colheita Maldita”, a história mostra uma cidade abandonada, povoada por crianças psicopatas que eliminam qualquer adulto que virem pela frente. O conto saiu na antologia Sombras da Noite.

2. A Casa da rua Mapple
Pelo inusitado da trama, esta é pra mim uma das histórias mais interessantes do King. 4 crianças, obrigadas a morar com um padrasto abusivo, descobrem que a casa está se transformando em alguma coisa metálica. A descoberta pode ser o que precisam para planejar a vingança contra o padrasto. Saiu em Pesadelos e Paisagens Noturnas vol 2.

1. O Fim da confusão toda
Uma trama de fim de mundo, mas escrita de um jeito fantástico. Se alguém duvida das capacidades narrativas de Stephen King, esse é o conto que vale a pena ler. Em primeira pessoa, a história narra os últimos momentos de um homem que teve na primeira fila de uma descoberta incrível, feita por seu irmão, que extinguiu toda a raiva e agressividade da humanidade. Mas é claro que há uma pegadinha para esse milagre, e não demora muito para as coisas descambarem para o fim do mundo. Saiu em Pesadelos e Paisagens Noturnas vol 1.

0,5 – Feitiço (Arquivo X)
A posição 0,5 só está aqui porque não é um conto literário, e sim um episódio de uma série de TV, mais especificamente, de Arquivo X. Em “Feitiço”, escrito por King, Mulder e Scully “invertem” os papéis (Mulder dá uma de cético enquanto Scully faz suposições sobrenaturais) ao investigar um caso estranhíssimo que tem a ver com uma boneca amaldiçoada. Um dos episódios “monstro da semana” mais sinistros da série. É, se não me engano, o décimo episódio da quinta temporada.

Sobre Algures

Oi, meu nome é Algures e eu tenho 35 anos (ou teria, se estivesse vivo). Compartilhe esse post com 20 pessoas e minha alma estará sendo salva por você e pelos outros 20 que receberão. Caso não repasse essa postagem, vou visitar-lhe hoje à noite. Dia 15 de Julho, José resolveu rir desse post, uma noite depois ele sumiu sem deixar vestígios. O mesmo aconteceu com Maria dia 18 de Outubro. Não quebre essa corrente, por favor, a não ser que queira sentir a minha presença (atrás de você).

Além disso, verifique

A gente vimos: Power Rangers (2017), por Algures

Eu não posso me considerar um fã de Power Rangers. Mas assisti o suficiente da …