Home / TV / Novos Guerreiros, a série?

Novos Guerreiros, a série?

Radical & seus amiguinhos
Rapaz… Lembro do século passado quando um grupo de jovens chamado Os Novos Guerreiros começou a dar as caras na extinta Marvel Force, publicada pela editora Globo. Posteriormente, a Abril reassumiu o grupo e as histórias daquela galera fizeram parte da minha vida por muito tempo.

E agora, podem ir para a TV! Só que não achei isso tão legal…

Se naquela época os personagens foram vencidos pelo que chamamos de maldição dos anos 90, quando tudo tinha que ser dark, sombrio, violento pra ser levado a sério – caramba, isso soa tão familiar – agora a Marvel quer transformar aquele universo em uma comédia.

Em uma produção conjunta com a ABC, a ideia seria uma produção com dez episódios de trinta minutos para 2018. E desta vez o grupo teria a inclusão da Garota-Esquilo, o que, obviamente, diminuem as chances de dar errado. Aliás, a personagem, que na série de quadrinhos não estava, seria a líder da equipe nesta versão da TV.

Considerando que nos gibis o líder era o Radical – o nome original em inglês era algo como ESPANCADOR NOTURNO se não me engano – que era meio psicopata, faz sentido mudar. Agora, sei lá, eu ainda preferia uma série com capítulos de 44 minutos com as aventuras originais da equipe. E vocês, amgs?

Se bem que não dá pra levar nada com o Speedball a sério. Quando tentaram fazer isso, ele assumiu o nome de Suplício e digievoluiu assim:

Anos 90
 

Ah, a noventização dos heróis… Pensar que o Change era fã dessas coisas.

Bugman era fã de Marvel Boy

Sobre Bugman

Grant Morrison nos salvará.

Além disso, verifique

Os Defensores, por Bugman

Desde que prometeram colocar quatro heróis em uma só série, a expectativa foi imensa. Mesmo …