Home / Cinema / Marvel cagou pro Rated R

Marvel cagou pro Rated R

Olha só, nerdaiada desgraçada… Com o sucesso do filme Deadpool com censura restritiva e mais violência, linguajar chulo e peitinhos nós atpé chegamos a cogitar por aqui (e gravamos um podcast sobre isso) de que o “Rated R” poderia virar a nova mania das produções baseadas em super-heróis…

3-new-deadpool-photos-of-deadpool-negasonic-teenage-warhead-and-angel-dust4

Não bastante a FOX já anunciou que o último filme solo do Wolvereco vai ser “R” também, e o visionário Zack Snyder disse que a versão estendida do diretor de Bátema vs Superman também terá essa classificação restritiva… ontem falaram em uma série da Sonja com esse mesmo diferencial, então acho que o tal “Efeito Rated R” meio que se tornou uma realidade no meio das produções heroizísticas, certo?

Mas na Marvel não… O estúdio parece estar satisfeito com os seus filmes mais leves, Numa entrevista coletiva o pica das galáxias da Disney, Bob Iger, respondeu da seguinte forma a interpelação de um repórter sobre o possível interesse da Marvel em produzir filmes “R” depois do sucesso de Deadpool:

Não temos quaisquer planos para fazer filmes R-rated da Marvel

O que eu acho? Isso na verdade nem é algo tão surpreendente, classificação restritiva nunca esteve na agenda da Disney, e eles parecem ter batido o martelo em definir o seu conteúdo mais “pesado” pras séries do Netflix… Mas mesmo assim fica um pouco de decepção pro fã, afinal temos personagens dentro da Marvel que bem poderiam ter filmes sem as amarras do PG13.

Em tempo, vale lembrar que relatam que o filme da Guerra Civil é denso e tem alguns momentos pesados, e que desde o Soldado Invernal parece que a Marvel percebeu que pode ter filmes dentro do PG13 mas menos ingênuos do que os filmes da primeira e segunda fase.

Sobre Hell

O Hell, este que vos fala.

Além disso, verifique

Vingadores 4 – Saiba como THANOS SERÁ DERROTADO!

Pois é, nerdaiada maldita… depois desse título buzzfeedico, vamos dizer que o que vamos apresentar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários