Home / Games / Homem-Aranha 3, por Ultra

Homem-Aranha 3, por Ultra

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Taí, não é uma Brastemp, mas também não é aquele biscoito mole e fedido que encontrei debaixo do meu travesseiro outro dia. Vamos lá!

Perguntas que me fiz na última semana depois de ler e ouvir comentários sobre o filme Homem-Aranha. 1) O filme é ruim? 2) O roteiro é tosco? 3) O Homem-Aranha é herói de onanista? Bem, vamos às respostas?
1) O filme não é ruim. Para começar, o argumento é excelente. Peter Parker está crescendo e a cada dia que passa aprende novas lições. E a da vez é: mulher tratamos na maciota, ou a cinta arranca o couro. Vaidoso como todo nerd que se torna popular de alguma forma — só no cinema, seus perdedores, só no cinema — Parker coloca em segundo plano sua amada Mary Jane. Sente-se o centro das atenções e aprende da forma mais difícil que amar e ser amado não é apenas o rosca-enrosca na parede do banheiro e nem um anel de latão véio que só apareceu no dedo da coroa no último filme. Não, meus amigos. Como diz o ditado, escreveu não leu, o pau comeu. E nessa o cabra quase perde a patroa. Até um tapa na danada ele deu. Vixe. E não é só de mulher que o cara não entende.
Peter tem outro problema bem sério para resolver no filme: sua relação homo-devastadora com o duendinho. O maluco tá doidão e não tira da cabeça que Pedrinho matou papai. E agora, José? A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, a noite esfriou, e agora, José? Bem, ele não resolve. O mordomo sabe-tudo resolve, mas isso é assunto pro lado sombrio do filme e segunda pergunta deste post: o roteiro!
Continuando com o desenvolvimento do personagem. Peter tá crescendo e no fim do filme, em uma seqüência Mode Mexican Soap Opera On Peter perdoa o Homem-Areia e chora a morte do amigo iluminado por um sol dourado mais fake que orgasmo de filme pornô. Embaraçoso, mas ok.
Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

E os outros personagens, adiposo guru? Gafanhoto, gafanhoto. Os outros personagens são figurantes caros para caracoles. Se a Marvel e a Sony substituíssem todos por manequins com fotos coladas na cabeça e dublados pela trupe do MDM, passava, mas como o dinheiro não é meu, quero mais é que se foda!
2) Bem, então vamos pro roteiro. O roteiro é tão tosco quanto o Venom, que por sinal é de longe o maior equívoco do filme — ou de toda a mitologia do Aranha, vai saber.
Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Um meteoro cai do céu, uma porra preta cola na lambreta do Peter, Parker vira um emo alegre — sinal do apocalipse, segundo a Bíblia — o Aranha se livra da porra preta e um rivalzinho recalcado do Peter se torna o Venom. Daí o Venom faz uma parceria com o areia revelando saber tudo sobre a vida do vilão? Que isso?!!! De onde ele tirou todas aquelas informações sobre o Areia? Alguém sabe? Alguém viu? Acho que tava comendo pipoca na hora porque essa passou batida pra mim. Pô, o filme teria ficado redondinho se o vilão fosse o Duende Jr. Falando em Duende Jr., vamos voltar ao mordomo.
Outra mancada do filme é o mordomo. Cacilda! Tiraram um mordomo do nada — como o anel da Tira May — e ainda fizeram o cara saber tudo sobre o Duende Verde?!!! Já sei, ele deve ter visto os filmes anteriores. Sério mesmo, não lembro do vovô sabe-tudo nos filmes anteriores… Será que tem na versão do director’s cut dos filmes um e dois? Sei lá, só sei que isso foi uma picaretagem típica do MDM. Isso foi. Ler observação sobre isso no final do post, por favor.
Acaba que temos um filme que realmente se assemelha a uma história em quadrinhos de super-herói. Idéias boas obrigatoriamente feitas como o material bruto que produzimos todos os dias no silêncio do banheiro. Será que super-heróis não podem ter boas histórias? Será que tudo precisa ser chiclete vagabundo — você dá uma mordida e o sabor acaba? Não, não precisa e o próprio filme que abriu a trilogia Homem-Aranha prova isso.
O resultado dessa zona criada pela quantidade exagerada de vilões no filme só podia ser uma: roteiro picotado e final corrido. O filme acaba não servindo ao seu real propósito que seria encerrar dignamente a trilogia do teiúdo de forma magistral. Mas se engana quem pensa que não gostei do filme. Achei deveras interessante. Até mais que o segundo filme, que é o primeiro requentado — cientista louco e vaidoso resolve mostrar a todos que ele estava certo, mas se envolve em acidente e se torna supervilão… Nhé!
Concluindo, então, minha nota é 7,5 e tenho dito!
Ah, a última pergunta! Claro, não posso esquecê-la.
3) Sim, Homem-Aranha é herói de onanista. Vai teia!!!


Tão dizendo aê que o mordomo aparece no segundo filme. Erro meu, tá beleza. Mas ainda não entendo por que ele esperou até o duendinho se ferrar de verde e amarelo pra contar o lance das lâminas. Não entendi, mesmo.
Outra coisa que tava pensando lendo os comentários da turminha. Todo mundo sabe que o Venom armazena dados do seu antigo hospedeiro, não sabe? Errado!!! Só quem lê os gibis do Aranha sabe disso. Quem só conhece o personagem no cinema não sabe. Como tb não sabe que nos quadrinhos o Peter construiu o lançador de teias, ao contrário das teias orgânicas dos filmes. Ou seja, em momento algum se revela que o cara sabe informações do seu antigo hospedeiro. Mas aceitando isso, quero só que alguém me explique como o Venom sabia tanto sobre a vida do Homem-AREIA.

Sobre Colaborador col

Além disso, verifique

Top 7,5 joguinhos de 2019

Mas o quê, um post? SIM, afinal eu tenho esse costume anual de vir aqui …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.