Home / A Gente Lemos (page 5)

A Gente Lemos

A Gente Lemos: Homem-Aranha – Azul

“AFF, UM AGENTE LEMOS DO NOVATO”, diz o leitor descompromissado. “NEM VOU LER”, ele continua dizendo. MAS UM HOMEM TEM QUE TENTAR. Tentarei apenas passar alguns pensamentos que tive lendo essa HQ. Evitarei me aprofundar nisso agora porque esse teclado no qual escrevo denota uma falta de acentos, limitando as …

Leia mais

A gente lemos: Máscaras

Heróis dos pulps como Zorro, o Aranha, do rádio como o Sombra, Besouro Verde & Kato, dos primeiros anos dos quadrinhos, como a Miss Fury, Terror Negro ou Lama Verde… qual a chance da união de todos esses personagens, numa saga em quadrinhos contemporânea, idealizada e com seu primeiro número …

Leia mais

A Gente Lemos: A nova Ms. Marvel (#1 – #9)

De uns tempos para cá, a Marvel parece que tem acertado o caminho em suas histórias de personagens menores, isolados do resto do universo. Isso tem ocorrido com o Demolidor do Mark Waid, o Gavião Arqueiro do Matt Fraction, o Cavaleiro da Lua e o Justiceiro (esse últimos ainda não li, mas …

Leia mais

A gente lemos: A Insólita Família Titã

Houve um tempo em que, exceto pelo onipresente Mauricio de Sousa, o mercado brasileiro de HQs vivia de putaria. Não, não no sentido figurado, de putaria mesmo, gibizinhos de sacanagem pipocando aqui e ali. O ano era 1991 e se você quisesse fazer algo diferente (e receber algum por isso) …

Leia mais

A gente lemos: Lavagem, do AUTOR Shiko!

Numa área alagadiça e isolada as únicas formas de contato com o mundo externo são as barcas e a tevê, transmitindo o culto hardcore – pelo menos para quem deseja esse contato. Doutro lado, um homem bronco se divide entre seus porcos e a companheira, isolada pelo mangue e pela ignorância. …

Leia mais

A gente lemos: títulos da Morcega em seus 76 anos!

Em maio do ano passado (2014, se você já não lembra) o Batman, a morcega mais amada do mundo, completou dez anos andando de busão sem pagar. Falando sério, é um personagem que você pode até não gostar, mas tem uma popularidade, um reconhecimento e uma importância ímpar na história …

Leia mais

A gente lemos: Independentes da CCXP (ok, nem todos)

Sim, eu sei, tô sumido. Piadas como “Você sumiu meu cobrão” e “Cara, você tomou uma sumida grande” estão frequentes. A verdade é que com o aumento da minha rotina de trabalho, e consequentemente o aumento das horas de ônibus entre uma cidade e outra, eu ando colocando as leituras …

Leia mais

A Gente Lemos: Beladona

Finalmente, depois de alguns dias de espera chega às minhas mãos um exemplar de “Peladona” Beladona, a HQ de Ana Recalde e Denis Mello que já era muito falada enquando webcomics e que figurou por algumas vezes na lista de melhores HQs do prêmio HQMIX… Agora como obra gráfica, financiada …

Leia mais

A gente lemos: Demolidor – Fechando as portas

Parece que foi ontem que o competentíssimo (mas pouco incensado) Mark Waid assumiu o título do Demolidor. Mas isso foi em 2011. Com isso iniciou-se o terceiro volume da série do advogado/justiceiro cego da Cozinha do Inferno. Uma série que a Panini, numa sacada de mestre, decidiu publicar em encadernados independentes …

Leia mais

A gente lemos: Astronauta – Singularidade, por Poderoso Porco

Há pouco mais de dois anos, pra ser mais preciso em novembro de 2012, o trio de chégas Sidney Gusman, Danilo Beyruth e Cris Peter iniciavam um projeto que sim e sem exageros, balançaria as estruturas do carnaval, digo, do cenário nacional de quadrinhos. O projeto, as Graphics MSP, e …

Leia mais

A gente lemos Special Edition: Independentes!

Então, macacada! Comic Con Experience chegando, muito material de chégas pra adquirir… Logo, é prudente fazer dar uma agilizada na pilha de reviews de HQs independentes, né? Considerando que ainda tem coisa ainda do FIQ do ano passado, é inclusive melhor dar mais do que uma agilizada! O esquema, vocês …

Leia mais

Dies Irae #4, Mais Gibis, Catarse e a Meritocracia

No quarto número de Dies Irae, vemos a história de Sebastian, um gringo que chega no México após o deus Anúbis cair por lá. Ao contrário dos outros Deuses, Anúbis caiu vivo. Bem, é só isso que posso dizer sem estragar a edição, que foi a melhor até agora. Os …

Leia mais

A gente Lemos: Vigor Mortis comics 2 – Sangue, suor e nanquim

Experiências narrativas transmídia não são muito comuns por aqui. Com exceção de uns poucos pioneiros (como José Mojica Marins, que fez uma HQ para contar o que aconteceu entre Esta noite Encarnarei no Teu Cadáver e Encarnação do Demônio), ainda não se vê muito artistas investindo em iniciativas nas quais …

Leia mais